sexta-feira, 30 de setembro de 2016

INCENDIO EN UN HOSPITAL EN ALEMANIA

-


INCENDIO EN UN HOSPITAL EN ALEMANIA

Vista general de un incendio que ha destruido el hospital Bergmannsheil, en Bochum (Alemania). Según el Departamento de Bomberos, dos personas han muerto y al menos 15 están heridas. (Marcel Kusch / EFE)-(20minutos.es)

'TODAS LAS VIDAS IMPORTAN'

-


'TODAS LAS VIDAS IMPORTAN'

Un estudiante filipino sostiene un cartel con el mensaje "Todas las vidas importan. Alto a los asesinatos" durante una protesta contra el presidente filipino, Roberto Duterte, en Manila (Filipinas). La campaña antidroga de Duterte ha dejado más de 3.500 muertes hasta la fecha. (Mark R. Cristino / EFE)-(20minutos.es)

Nos outros blogs

-
 Para ajudar ao debate sobre as escolas



«Divya, uma menina indiana, vai todos os dias à estação de comboios da cidade de Orai, na Índia para estudar e fazer os trabalhos de casa por não ter luz elétrica em casa.

Esta informação é confirmada no The Logical Indian. A mesma fonte garante que a jovem vive sem eletricidade perto da estação. A fotografia desta jovem tem sido partilhada nas redes sociais e tem comovido os cibernautas que elogiam a determinação da jovem.

A foto de Daniel Cabrera também se tornou viral. Uma criança filipina estava a fazer os seus deveres escolares à noite, ao lado do restaurante para aproveitar as luzes do letreiro.» [Observador]
   
Parecer:

Apetece perguntar em que lugar do ranking das escolas estará a escola desta menina. Quanto ao ranking da escola não sei, mas aposto que ela estaria no topo do ranking dos nossos estudantes, ela e milhares de crianças do nosso meio rural e da periferia das cidades que não fazem ideia do que são as t-shirts amarelas.
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Sorria-se.»

In "O Jumento"


quinta-feira, 29 de setembro de 2016

MODELITOS PARA APOYAR A HILLARY

-


MODELITOS PARA APOYAR A HILLARY

Prendas y accesorios alusivos a la candidata a la presidencia de los EE UU por el partido Demócrata Hillary Clinton, durante un acto de campaña en la Universidad de New Hampshire, en Durham. (CJ Gunther / EFE)-(20minutos.es)


DEMOSTRACIÓN DE FUERZA

-


DEMOSTRACIÓN DE FUERZA

Un soldado de las fuerzas especiales del Ejército de Corea del Sur hace una demostración de fuerza al romper con el brazo una pila de tablas de mármol, durante un ensayo para las celebraciones por el 68 aniversario de la fundación del ejército surcoreano. (YONHAP / EFE)-(20minutos.es)



Nos outros blogs

-


 Jumento do dia
    
Luís Campos Ferreira, deputado pafioso

Este deputado pafioso do PSD achou que terá tido um rasgo de inteligência e decidiu acusar o governo de rasgar tudo, O que o deputado não explicou é que no tempo do seu governo os investidores estrangeiros não apareceram e que uma boa parte dos reembolsos do IVA e do IRS que chutaram para 2016, a fim de ajeitarem as folgas orçamentais de 2015 seriam mais do que suficientes para promover o investimento público e ainda sobrava para cumprir todas as metas do défice.

Estes senhores aldrabaram as contas do Estado e agora tentam acusar o governo das suas práticas, numa estratégia derradeira de descredibilizar o país junto da DBRS, lutam desesperadamente por um segundo resgate que lhes devolva o poder e, com isso, o acesso aos dinheiros do Estado.

«"Começaram por rasgar contratos firmados, continuaram, voltando com a palavra atrás, e rasgaram compromissos estabelecidos quanto à descida do IRC, prosseguiram rasgando a ideia de que não haveria mais agravamentos fiscais e avançando para um imposto sobre o património imobiliário. Ao passarem a vida a rasgar contratos e compromissos, o Governo e os seus ajudantes do BE e do PCP acabaram a rasgar a confiança em Portugal", disse, sobre a "consequência perversa da ação da geringonça".

Em debate parlamentar de urgência requerido pelo PSD sobre "captação de investimento e crescimento económico", o parlamentar social-democrata defendeu que falhou a estratégia de esperar que fosse o consumo das famílias a puxar pelo crescimento económico, "acompanhado de uma consequência perigosíssima: este Governo e os seus ajudantes do PCP e do BE mataram qualquer ideia de uma alternativa imediata porque mataram o investimento privado, nacional e estrangeiro".

"Quem os viu e quem os vê é o comentário mais apropriado quando olho para a geringonça e os oiço falar de investimento, crescimento e défice", criticou Campos Ferreira, sublinhando que, se "o investimento era escasso até 2015", "hoje é muito mais" e, "para compensar os desvarios, o Governo corta, corta no investimento público e os seus ajudantes do PCP e do BE", segundo o deputado do PSD, "veem e calam-se".» [Notícias ao Minuto]

In "O Jumento"


segunda-feira, 26 de setembro de 2016

UN ESCENARIO IMPRESIONANTE

-


UN ESCENARIO IMPRESIONANTE

Un hombre toca el violín delante de la estación de tren iluminada de Chhatrapati Shivaji, Bombay (India). (Divyakant Solanki / EFE)-(20minutos.es)


RÉPLICA DE LA CELDA DE MANDELA

-


RÉPLICA DE LA CELDA DE MANDELA

Estudiantes observan la caravana-réplica de la celda de Nelson Mandela en la prisión de la isla Robben, en Ciudad del Cabo. El expresidente de Sudáfrica y Nobel de la Paz estuvo encarcelado en este presidio durante 27 años. (Nic Bothma / EFE)-(20minutos.es)

UN TRASERO MUY ARTÍSTICO

-


UN TRASERO MUY ARTÍSTICO

Una trabajadora observa la obra de la artista Anthea Hamilton, Project for a Door (After Gaetano Pesce) 2016. en el Tate Modern de Londres (Reino Unido), en la exposición de los nominados al Premio Turner. (Hannah Mckay / EFE)-(20minutos.es)


Nos outros blogs

-
 Ana Gomes e Sócrates

Quando vejo personalidades públicas tecerem considerações sobre alguém com base em peças processuais tornadas públicas por forças estranhas que violam o segredo de justiça ou as publicam designando um comportamento criminoso como um exercício de liberdade de expressão sinto nojo.

Tenho um princípio de que não prescindo para além do elementar princípio da presunção da inocência, não formulo opiniões acerca de ninguém com base em informações vindas da polícia, seja da polícia com farda ou da polícia com toga, sejam polícias formados nas escolas de polícias, sejam polícias mais finos formados no Centro de Estudos Judiciários. Pode ser uma opção errada na opinião de muitos que vejo por aí, mas é a minha, só formula opinião depois de as vítimas da difamação se poderem defender segundo regras.

A acusação tem duas fases a investigação e o julgamento, na primeira os polícias acusam socorrendo-se dos meios legais e ás vezes de meios menos legais. Na segunda o acusado tem a oportunidade de se defender e os tais polícias deixam de ter a liberdade de dar golpes baixos, têm de provar o que acusam e demonstrar que a acusação é feita com base em provas válidas. Ora, se há esta fase porque motivo anda tanta gente a tirar conclusão quando a primeira ainda vai a meio?

Alguns fazem-no porque são parvos, deixam-se manipular por polícias pouco corajosos pois não dão a cara pela violação do segredo de justiça ou porque acreditam no que lhes dizem. Mas nem todos são parvos, há os que têm uma grande cultura judicial, que conhecem muito do que de errado a justiça já produziu ao longo da história, mas preferem tirar conclusões agora, quando o acusado não tem nada de que se defender.

Porque será que gente culta, deputados, jornalistas, políticos e até juízes e advogados, preferem julgar antes de que os acusados se possam defender, pior ainda, antes de ser produzida qualquer acusação? Por ódio, por vaidade, acima de tudo por cobardia, nesta fase é mais fácil condenar, difamar destruir.


Ana Gomes é uma destas pessoas, não quer esperar que o acusado se defenda, quer destruí-lo agora porque é mais fácil. Só que esta é a forma mais cobarde de tentar destruir alguém politicamente. Nem mesmo no tempo do fascismo se viu isto.

Não estamos perante uma questão de estratégia política do PS, talvez Ana Gomes não perceba, mas por mais que deteste Sócrates estamos perante uma questão de princípios. Prefiro os meus aos de Ana Gomes. E quanto a prejuízos para o PS seria interessante se fossem contabilizados os provocados por muitas intervenções desta deputada rica.

In "O Jumento"

domingo, 25 de setembro de 2016

"Dimensão do Benfica é igual à soma dos outros dois clubes"

-

Dirigente do Benfica realça que maior valia dos contratos entre o Benfica e a NOS, por comparação com os rivais, se devem à dimensão do clube.

Domingos Soares de Oliveira, administrador executivo da SAD do Benfica, reafirmou as palavras ditas por Luís Filipe Vieira e garantiu que o contrato com a NOS será revisto em breve.

O dirigente das ‘águias’ disse, em entrevista à Antena 1, tratarem-se de “majorações normais” em contratos do género, realçando as diferenças em relação aos rivais.
“Não é a primeira vez que temos esse tipo de situação. Há já muitos anos estive envolvido em negociações com um potencial patrocinador que queria patrocinar os três clubes ao mesmo tempo. Estivemos os três clubes sentados à mesa com esse potencial patrocinador e todos de acordo relativamente ao peso do Benfica em relação aos outros dois clubes”.
“Ninguém no Sporting, no FC Porto ou em nenhum clube contesta a dimensão do Benfica. Aliás, há estudos de mercado que dizem isso e que não são feitos por nós. Viu-se quando houve a possibilidade da Benfica TV deixar de ser distribuída em todos os operadores para passar a ser distribuída só na NOS. Os operadores fizeram estudos de mercado que demonstram que a dimensão do Benfica é, sensivelmente, igual à soma dos outros dois clubes”, atirou depois.
Soares de Oliveira não aponta a datas, mas vai dizendo que os pormenores do contrato estabelecido inicialmente estão a ser analisados: “Se der lugar a uma revisão de contrato, dá; se não der lugar a uma revisão de contrato, não dá”. (20minutos.es)

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

RECORRIENDO EL MUNDO EN BICI

-


RECORRIENDO EL MUNDO EN BICI

Fotografía facilitada por Fernando Domínguez, quien tras sufrir un accidente se replanteó su filosofía de vida y decidió, junto a su pareja, Veronika, recorrer el mundo. En la imagen, posan juntos en el paso de Taglangla de la cordillera del Himalaya (India), durante el viaje que comenzó hace dos años en Basauri (Bizkaia), y continúa tras haber recorrido 23.000 kilómetros hasta Phnom Penh (Camboya). (Fernando Domínguez y Veronika / EFE)-(20minutos.es)

Execução orçamental "está no bom caminho" e Governo prevê cumprir metas

-

Ministro das Finanças garante que as metas previstas no Orçamento são para cumprir.

Mário Centeno defendeu que a execução orçamental de 2016 está "no bom caminho", havendo uma "redução muito significativa" do défice face ao ano anterior.

O ministro das Finanças falava aos jornalistas na residência oficial do primeiro-ministro, em São Bento, após o Instituto Nacional de Estatística ter estimado que no primeiro semestre deste ano o défice das Administrações Públicas foi de 2,8% do Produto Interno Bruto (PIB) - uma diminuição face aos 4,6% registados no período homólogo.
A redução do défice, "é um exercício, que sendo um exercício de grande exigência, está a decorrer com sucesso", comentou.
Recusando comentar os dados do relatório do FMI, Centeno garantiu apenas que a “execução orçamental está a decorrer dentro dos parâmetros inscritos no Orçamento, com uma significativa melhoria face ao ano de 2015, e que o Governo prevê atingir as suas metas”.
O ministro reiterou ainda que o “compromisso entre o Governo e as instituições europeias e parceiros europeus são para cumprir”.(Notícias ao Minuto)

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

EVACUACIÓN DE REBELDES EN HOMS

-


EVACUACIÓN DE REBELDES EN HOMS

Un autobús cargado de rebeldes y familiares abandona al barrio asediado de Al Waer, en la ciudad de Homs (Siria). Cerca de 120 hombres armados, algunos de ellos acompañados de sus familias, abandonaron el lugar devastado, como parte de la tercera fase del acuerdo con el gobierno sirio. (Youssef Badawi / EFE)-(20minutos.es)

MENOS COCHES Y MENOS CONTAMINACIÓN

-


MENOS COCHES Y MENOS CONTAMINACIÓN

Fotografía facilitada por Greenpeace que, coincidiendo con la celebración del Día Sin Coches, una veintena de activistas de la organización ecologista han pintado más 200 señales de tráfico en el suelo de la céntrica calle de Bravo Murillo, en Madrid, para pedir menos coches y menos contaminación en los núcleos urbano. (Pedro Armestre - Greenpeace / EFE)-(20minutos.es)


CALABAZA GIGANTE

-


CALABAZA GIGANTE

El agricultor Oliver Langheim posa junto a la calabaza Olli, de 550 kg., en su invernadero en Furstenwalde (Alemania). Según el agricultor, la calabaza crece unos 5 kg. al día y ya alcanza una circunferencia de 4,86 metros. (Patrick Pleul / EFE)-(20minutos.es)


Nos outros blogs

-

  
 Jumento do dia
    
Passos Coelho, o novo cata-vento

Quando se convida alguém para apresentar um livro dá-se um exemplar ao convidado muito antes da sua colocação à venda, para que possa saber o que vai apresentar. Quem apresenta um livro não apresenta apenas o autor e por uma questão de amizade ou para pagar favores políticos, apresenta-se o autor e o livro, porque se gosta dos dois.

Passos Coelho foi o primeiro a saber da pornochachada que ia apresentar mas preferiu pagar favores políticos com o argumento do valor da sua palavra, tinha a palavra dada e assunto encerrado. Afinal, a sua palavra vale tanto como o nojo que será o livro e perante o medo do ridículo Passos deu o dito por não dito e já não apresenta o livro do velho amigo.

Começa-se a perceber qual era o desastre que Passos anunciava para Setembro, era o seu próprio desastre, primeiros a queda do PSD nas sondagens e agora este folhetim sujo em que aceitou ser o protagonista principal. Passos que designou Marcelo por cata-vento comporta-se agora como tal, com a agravante de nunca perceber de onde vem o vento.

Vale a pena ler o que Passos disse há poucos dias:

«"O arquiteto José António Saraiva convidou-me para me associar ao livro que ia fazer e respondi que sim, mesmo antes de conhecer a obra e aceitei fazê-lo. Não sou de voltar com a palavra atrás nem de dar o dito por não dito. Estarei a fazer a apresentação dessa obra", afirmou aos jornalistas durante uma visita a Proença-a-Nova, na aldeia de xisto da Figueira.

"Cada um terá a sua opinião sobre o conteúdo, não fui eu que escrevi o livro tão pouco, o autor é ele não sou eu. Não vou defender o livro nem as suas perspetivas, ainda nem tive ocasião de completar a leitura, não é essa a questão", disse, segunda cita o Observador.» [DN]

Isto é, não negou que já tinha lido o livro ainda que diga que ainda não o acabou de ler e na ocasião não importava o que lá está escrito. Enfim, os ventos mudaram e o cata-vento deixou o amigo a falar sozinho

«Quando a polémica rebentou, Pedro Passos Coelho ainda tentou que o assunto não se tornasse “uma questão partidária”, disse que não tinha lido a obra e que, em todo o caso, não tinha sido escrita por si. Mas já era tarde demais. Tudo por causa do polémico livro de António José Saraiva, ex-diretor do semanário Sol e do Expresso, que revela conversas privadas (e de foro íntimo) que o jornalista teve com vários políticos, alguns dos quais já falecidos. António José Saraiva convidou o líder do PSD para apresentar a obra, Passos aceitou e, mesmo depois de ter sido atacado em várias frentes, manteve a palavra. Agora, uma semana depois de o caso estalar, Passos recua e já não vai apresentar o autointitulado “livro proibido”, noticia a Sábado e a edição do jornal i desta quarta-feira.

Segundo a Sábado, Pedro Passos Coelho terá contactado esta terça-feira o autor do livro no sentido de lhe pedir para o “desobrigar” de apresentar publicamente a obra, não querendo voltar com a palavra atrás mas ao mesmo tempo não querendo envolver-se mais na polémica. Antes, contudo, segundo relata a revista no seu site, Passos já tinha falado com José António Saraiva no sentido de lhe dizer que não era por estar a ser criticado que deixaria de o fazer. “Se não fosse atacado por isto seria por outra coisa qualquer”, terá dito o líder do PSD ao autor da obra “Eu e os Políticos”.

O jornal i desta quinta-feira adianta que Passos Coelho mudou de ideias por causa do conteúdo do livro e das questões privadas que nele aparecem retratadas.» [Observador]

In "O Jumento"


quarta-feira, 21 de setembro de 2016

CAMIÓN DEL FUTURO

-


CAMIÓN DEL FUTURO

El director de la División de Camiones y Autobuses de Daimler AG, Wolfgang Bernhard, conduce el camión eléctrico Mercedes Urban eTruck durante la 66ª edición de la feria IAA de Vehículos Comerciales en Hannover (Alemania). (Julian Stratenschulte / EFE)-(20minutos.es)

REPONIENDO FUERZAS

-


REPONIENDO FUERZAS

Un miembro del programa de conservación del orangután de Sumatra (SOCP) alimenta a un orangután recién llegado a las instalaciones de cuarentena y reintroducción en Jantho, Aceh Besar (Indonesia). El centro rescata ejemplares que han sido criados por hombres como mascotas y su objetivo es introducirlos en el mundo salvaje. (Hotli Simanjuntak / EFE)-(20minutos.es)


Nos outros blogs

-
      
 Há uma voz no PSD contra Passos
   
«Ao fim de 25 anos de militância, o antigo conselheiro nacional do PSD Paulo Vieira da Silva bate com a porta, arrasando a liderança de Pedro Passos Coelho, a quem acusa de ter “passado de primeiro-ministro a profeta da desgraça” e de “estar desfasado da actual realidade política e social”.

O antigo conselheiro nacional comunicou esta segunda-feira ao partido a sua saída numa carta na qual dá conta das razões que o levaram a romper com a militância, aproveitando para denunciar a “deriva neoliberal” que PSD conheceu com a liderança de Passos Coelho, uma estratégia que - segundo afirma - afastou o partido dos “princípios ideológicos que estiveram na génese da sua fundação”. “No consulado de Passos Coelho assistimos a uma deriva neoliberal. Passámos a assistir à defesa de um regime assistencialista em que o Estado apenas pagaria aos ‘coitadinhos dos pobrezinhos’. Esta é para mim uma visão inabalável e redutora do papel do Estado”, escreve o antigo dirigente da distrital do PSD-Porto.

Paulo Vieira da Silva, que ganhou notoriedade por ter feito, em Abril de 2015, uma denúncia à Procuradoria-Geral da República (PRG), acusando Marco António Costa de montar uma “rede de interesses” e de ter cometido uma série de irregularidades, ainda nos tempos em que o actual vice-presidente do partido estava na Câmara de Valongo, escreve na carta que “em 2010, com a ascensão de Passos Coelho à liderança do PSD, ascenderam também a lugares cimeiros do partido dirigentes políticos do tipo ‘trepa-trepa’, em que o mérito foi medido em função do número de votos dos ‘exércitos’ que comandavam e que valiam exclusivamente para a eleição do presidente do partido. A mediocridade passou a ser premiada. Quanto pior melhor que assim não incomodavam”.» [Público]
   
Parecer:

Os outros, uma boa parte dos militantes do PSD diz o mesmo, mas não tem coragem para o fazer em público
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Pobre Passos.»

In "O Jumento"

terça-feira, 20 de setembro de 2016

ATAQUE CONTRA UN CONVOY HUMANITARIO EN SIRIA

-


ATAQUE CONTRA UN CONVOY HUMANITARIO EN SIRIA

Fotografía cedida por la Media Luna Roja Siria que muestra un convoy de camiones antes de partir para entregar ayuda humanitaria, en área rural de Alepo (Siria). Al menos doce personas murieron este lunes por un bombardeo a este columna de camiones. (SYRIAN RED CRESENT / EFE)-(20minutos.es)


AMENAZA TERRORISTA EN UN AVIÓN EN MANILA

-


AMENAZA TERRORISTA EN UN AVIÓN EN MANILA

Varios pasajeros son evacuados de un avión de la aerolínea Saudia Airlines, situado al final de una pista de aterrizaje en el aeropuerto internacional de Manila. El aparato ha sido aislado tras recibir la torre de control información de que el vuelo se encontraba "bajo amenaza", informaron fuentes oficiales. (Francis R. Malasig / EFE)-(20minutos.es)

14EN LA BÁSCULA

-


EN LA BÁSCULA 

Una tortuga gigante de Galápagos, de nombre Isabela, es pesada en el zoo de Rostock (Alemania). El ejemplar ha dado un peso de 242,6 kilogramos, cifra superior a los 221,6 kilogramos de hace dos años. (Bernd Wuestneck / EFE)-(20minutos.es)


domingo, 18 de setembro de 2016

"Temos orgulho no que fizemos mas não estamos conformados"

-

Orgulho, 'inconformismo' e promessas. Assim fechou António Costa a rentrée socialista.

António Costa encerrou ontem, em Coimbra, a rentrée política dos socialistas com um discurso onde destacou o Serviço Nacional de Saúde, defendeu o acesso do Fisco a contas bancárias e prometeu aumentos das pensões mais baixas e dos apoios sociais.


O secretário-geral do PS fechou uma noite de debates sobre desigualdades nos quais também participaram a dirigente bloquista Mariana Mortágua e o ministro das Finanças, Mário Centeno.
Apenas sob o mote do combate às desigualdades “faz sentido governar”, defendeu António Costa.
Aumentar o Salário Mínimo Nacional e eliminar a sobretaxa do IRS para “dar mais dignidade às famílias”, universalizar o acesso de todas as crianças ao pré-escolar, investir nos serviços públicos, são alguns passos a dar nesse sentido.
“Poupar não é encerrar ou cortar. Poupar é fazer bem. Ter melhores cuidados com maior eficiência e menores custos. Temos de continuar a desenvolver o Estado Social”, disse o secretário-geral socialista.
Sobre o trabalho já desenvolvido pelo atual Governo, Costa destacou o “normal” arranque do ano letivo, o trabalho desenvolvido na área da inclusão e apoio às pessoas com deficiência.
Destacou ainda o aumento do número de portugueses com médicos de família, prometendo que, dentro de um ano, o objetivo é assegurar que toda a população tem acesso a médico de família.
“Temos orgulho no que fizemos mas não estamos conformados”, assegurou.(Notícias ao Minuto)




sábado, 17 de setembro de 2016

Nos outros blogs

-
 Jumento do dia
    
Pedro Passos Coelho

Quando soube que Passos Coelho ia apresentar um livro de José António Saraiva disse cá para os meus botões que "estão bem um para o outro". Quando li que o livro do pequeno arquitecto tinha como aperitivo segredos sexuais de político achei que estavam ainda melhor um para o outro. Sempre é melhor que Passos se dedique aos segredos de alcofa do que vê-lo armado em Nostrapassus e a fazer profecias para o mês de Setembro.

Quanto a questões de ética já todos conhecemos os valores de Passos Coelho, foi ele que reuniu com Sócrates para discutir um programa de austeridade e depois disse que tinha sido apanhado de surpresa. É a mesma surpresa com que ficamos quando o vemos baixar de nível.

«Pedro Passos Coelho mantém-se firme na intenção de apresentar o próximo livro do jornalista José António Saraiva - ex-diretor dos semanários Expresso e Sol - apesar de entretanto já ter percebido que contém revelações sobre a vida íntima de políticos, muitas das quais atribuídas a personalidades que já morreram, e baseadas em conversas privadas.

Eu e os Políticos - assim se intitula o livro, editado pela Gradiva, e que o líder do PSD apresentará no próximo dia 26, no centro comercial El Corte Inglés, em Lisboa. "O Dr. Pedro Passos Coelho aceitou o convite mesmo antes de ler o livro. Este convite foi aceite tendo em conta a admiração que o Dr. Pedro Passos Coelho tem pela carreira e pelo papel que o arquiteto José António Saraiva desempenhou e desempenha no jornalismo português." É este o conteúdo da nota enviada ao DN por um assessor de imprensa de Pedro Passos Coelho depois de o DN o ter questionado sobre se não se sentia "desconfortável" com o teor da obra e o facto de José António Saraiva contar várias histórias que lhe foram contadas em privado, muitas delas de conteúdo sexual.» [DN]

In "O Jumento"


sexta-feira, 16 de setembro de 2016

PROTECCIÓN CONTRA LA TORMENTA

-


PROTECCIÓN CONTRA LA TORMENTA

Niño sudafricano camina protegido con una bolsa de plástico durante una tormenta en Ciudad del Cabo. (Nic Bothma / EFE)-(20minutos.es)


DESCANSO TRAS LA COMPETICIÓN

-

 

DESCANSO TRAS LA COMPETICIÓN

El nadador alemán Cristoph Burkard descansa tras disputar la final 100 metros braza SB6, en los Juegos Paralímpicos Río 2016. (Thomas Lovelock / EFE)-(20minutos.es)

BESO FELINO

-


BESO FELINO

Una artista le da un beso a un león durante una presentación del nuevo show internacional Extreme arena del Circo Nacional de Ucrania, en Kiev. (Roman Pilipey / EFE)-(20minutos.es)

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

PROTESTA DESDE EL SUELO

-


PROTESTA DESDE EL SUELO

El jugador británico Jim Roberts protesta una decisión arbitral, durante un partido de rugby en silla de ruedas entre Australia y Gran Bretaña disputado en los Juegos Paralímpicos Río 2016. (Bob Martin / EFE)-(20minutos.es)

Os melhores e os piores alimentos para uma vida longa e saudável

-

A alimentação é a chave para uma saúde plena, mas é também a causa de um estado débil e descuidado. Eis os alimentos que mais dão saúde e aqueles que são de evitar ao máximo.

Aquilo que comemos diz muito sobre a forma como encaramos a vida e sobre o quão preocupados estamos com a qualidade da mesma. Os alimentos assumem-se como aliados e vilões da saúde e a escolha daquilo que ingerimos diariamente vai ditar não só o nosso estado de saúde como a qualidade de vida.

Ao site Mind Body Green, o médico Joel Fuhrman lista aqueles que são os melhores e os piores alimentos para a saúde e apela à consciência das pessoas de que a comida é, de facto, um medicamento puro – para o bem e para o mal.
Contudo, se alimentação é fundamental, a combinação de uma dieta saudável e equilibrada com a prática de exercício físico e um controlo das emoções é a solução ideal para se viver mais e melhor.
Eis os melhores alimentos para uma vida longa e saudável:
# Vegetais de folha verde – possuem vários micronutrientes e são repletos de vitaminas e minerais;
# Vegetais crucíferos – por conterem fotoquímicos, conseguem regular as hormonas e recuperar os danos celulares;
# Frutos vermelhos – são antioxidantes e anti-inflamatórios, melhorando os níveis de açúcar no sangue e a saúde do coração;
# Leguminosas – alternativa à proteína vegetal e ótimas fontes de fibra;
# Cogumelos – fonte de proteína vegetal, baixo em calorias e com um ótimo poder contra infeções respiratórias e cancro da mama;
# Cebola – tal como o alho, é anti-cancerígeno, anti-inflamatório e antioxidante;
# Frutos secos – ricos em vários nutrientes e ótimos a zelar pela saúde do coração;
# Sementes – além de todas as vantagens dos frutos secos, oferecem ainda ácidos gordos ómega 3;
# Tomate – alto poder antioxidante e anti-inflamatório;
# Romã – melhora o desempenho cognitivo.
# Cereja – reduz o stress oxidativo.

E os piores, aqueles cujo consumo deve ser moderado ou até mesmo banido:
# Carne vermelha ou no churrasco – este tipo de confeção faz com que a carne fique com hormonas promotoras de cancro, o que aumenta consideravelmente o risco de doença. A carne vermelha é também de evitar, como alertou a Organização Mundial da Saúde (OMS);
# Alimentos processados – todos os alimentos embalados, processados ou com uma textura e aspeto demasiado perfeitos são de evitar, especialmente se forem vendidos em massa nos supermercados. Falamos de alimentos do dia-a-dia que estão repletos de açúcar, sal e gorduras saturadas, além de todos os químicos e aditivos que permitem alcançar o produto final ideal;
# Manteiga – prejudicial para o colesterol e para a saúde cardiovascular.
# Panquecas e donuts – a não ser que sejam confecionados em casa (preferencialmente sem serem fritos), estes doces são de evitar por estarem repletos de farinha e açúcar refinados;
# Refrigerantes – além de danificarem os dentes, estão repletos de açúcar e proporcionam uma maior acumulação de gordura visceral;
# Fritos – fritar os alimentos aumenta a sua capacidade inflamatória, algo que num consumo a longo prazo pode resultar em mutações metabólicas;
# Alimentos salgados – sejam snacks ou feitos em casa, os alimentos ricos em sal são de evitar pois podem causa danos nos rins, no coração e no sistema imunitário pode impulsionarem as inflamações.
# Alimentos adoçados ou ricos em açúcar – seja com açúcar natural ou açúcar artificial, é sempre de evitar, pois este ingrediente faz aumentar o peso, a acumulação de gordura e, por consequência, os problemas de coração e a probabilidade da pessoa ter cancro e/ou diabetes.
# Lacticínios açucarados – os lacticínios com sabores e açúcar adicionado são sempre de evitar por terem um efeito nocivo no sistema imunitário, conseguindo desregular as hormonas, promovendo aquelas que estimulam o crescimento de tumores cancerígenos.(Notícias ao Minuto)

quarta-feira, 14 de setembro de 2016

VUELTA SAGRADA A LA KAABA

-



VUELTA SAGRADA A LA KAABA

Numerosos peregrinos completan las vueltas a la Kaaba, en el centro de la Gran Mezquita de La Meca (Arabia Saudí). Unos 1.800.000 creyentes musulmanes de 189 países llegaron el pasado 11 de septiembre al monte Arafat, a 22 kilómetros de la ciudad sagrada, donde permanecerán rezando hasta el ocaso para cumplir con el principal rito de la peregrinación, la Waqfa (parada). (Fazry Ismail / EFE)-(20minutos.es)


DIOSA VIVIENTE

-


DIOSA VIVIENTE

Una niña nepalí asiste a la ceremonia de culto Kumari Puja, en la que se adora a Kumari, una niña considerada una diosa viviente, en Katmandú. Más de un centenar de muchachas, menores de 9 años, acudieron a esta ceremonia, que busca la protección del maligno y proporciona buena suerte en el futuro. (Narendra Shrestha / EFE)-(20minutos.es)

É "leviano" relacionar capitalização da CGD com amortização ao FMI

-

O ministro das Finanças afirmou hoje no parlamento que comparar a recapitalização da Caixa Geral de Depósitos à operação de amortização da dívida ao FMI "é leviano" e mostra incompreensão da situação, numa resposta à oposição.

"O investimento na Caixa é crucial para o sucesso da economia portuguesa, é preciso perceber esta importância para não ter a leviandade de a colocar a par de uma outra operação de gestão de dívida que tem a ver com a amortização do FMI [Fundo Monetário Internacional]. Fazer a comparação é não compreender o que está em causa", disse Mário Centeno, na Comissão de Orçamento, Finanças e Modernização Administrativa, que decorre no âmbito da sua audição regimental no parlamento.

O ministro das Finanças respondia, desta forma, às críticas lançadas pelo deputado social-democrata Duarte Pacheco que classificou como "horribilis" o primeiro verão de Centeno como ministro das Finanças, nomeadamente no que diz respeito à forma como foi conduzido o processo de recapitalização da Caixa Geral de Depósitos (CGD), entre outras áreas da economia e finanças portuguesas.
Em reação, Mário Centeno acusou o deputado de não perceber que Portugal "tem um sucesso absolutamente extraordinário neste processo", "ao contrário das oito tentativas falhadas" pelo governo anterior.
"Resolvemos num tempo absolutamente recorde uma situação que era de urgência. Numa negociação muito construtiva e muito séria, política e tecnicamente, conseguimos um acordo com a Comissão Europeia que a coloca com níveis de capitalização adequados a cumprir a sua função, o que não encontrámos em novembro de 20125", afirmou Mário Centeno.
O ministro das Finanças sublinhou que a capitalização da CGD foi "prioridade absoluta" do Governo, já que ela reforça a capacidade do banco de dar crédito e aceder a financiamento mais barato e, por sua vez, transmiti-lo aos seus clientes, promovendo, com isso, a economia.
"Nunca ouviram da minha boca nenhuma palavra que pudesse colocar em causa o processo negocial que conduzimos com sucesso. Se esse sucesso perturba alguém, alguém vai ter de rever isso", reforçou.(Notícias ao Minuto)

terça-feira, 13 de setembro de 2016

ACCIDENTE MORTAL EN UN CRUCERO

-


ACCIDENTE MORTAL EN UN CRUCERO

Fotografía de archivo que muestra el Harmony of the seas, el mayor buque de crucero del mundo, a su salida del puerto de St. Nazaire, en Francia. Una persona murió este martes y otras cuatro resultaron heridas graves, después de que una lancha de salvamento se cayera del buque.  (Edward Boone / EFE)-(20minutos.es)

MANIOBRA PARA SALVAR VIDAS

-


MANIOBRA PARA SALVAR VIDAS

El cocinero valenciano y estrella Michelín, Ricard Camarena (i), ha participado en la campaña Sos Respira, que promueve las maniobras de reanimación básicas para salvar la vida en caso de atragantamiento de algún alimento de forma accidental. (Juan Carlos Cárdenas / EFE)-(20minutos.es)

ARTE DENUNCIA EN FLORENCIA

-


ARTE DENUNCIA EN FLORENCIA

Lanchas salvavidas son expuestas en las ventanas de la fachada del Palazzo Strozzi para la exposición Ai Weiwei Libero, en Florencia. La primera exhibición del artista chino Ai Weiwei en Italia abrirá sus puertas el próximo 23 de septiembre. (Maurizio Degl' Innocenti / EFE)-(20minutos.es)



Jerónimo: "Deixem Portugal em paz, deixem Portugal desenvolver-se"

-

O líder do PCP também se reuniu esta terça-feira com António Costa e sublinhou que as “dificuldades” com que o Governo se depara estão relacionadas com a “política do euro”.

Jerónimo foi claro. Em resposta aos jornalistas após uma reunião com o primeiro-ministro em São Bento, o líder do PCP afirmou que o grande problema no país é o facto de esta “atual solução política” não agradar à União Europeia.

“As dificuldades que o Governo encontra são as imposições e os constrangimentos, nomeadamente a política do euro, que nos impede de alcançar esse grande objetivo que é a necessidade do investimento económico. O grande problema é que esta União Europeia não gosta da atual solução política e não gosta particularmente no que se refere a esta reposição de direitos e rendimentos”, afirmou.

“Através das imposições, das chantagens e da ameaça”, o líder do PCP afirmou que Bruxelas “tenta impedir que este caminho que se verificou depois das eleições prossiga (…) Acho que não se deve ceder aos chantagistas”. E, pediu: “Deixem Portugal em paz, deixem Portugal desenvolver-se e dar as respostas que o povo português anseia”.
Apesar das dificuldades e das “pressões”, Jerónimo frisou que em primeiro lugar “estão os portugueses” e que o PCP vai tentar “responder aos seus anseios”.(Notícias ao Minuto)

domingo, 11 de setembro de 2016

Nos outros blogs

-

  
 Jumento do dia
    
General Frederico José Rovisco Duarte, Chefe do EM do Exército

Uma coisa é a resistência psicológica, outra muito distinta é a resistência humana ao esforço e às condições ambientais, a primeira deve estar ao cuidado dos instrutores, a segunda é um problema médico. Não se pode explicar a ocorrência de duas mortes por se terem ultrapassado os limites da resistência humana e mais alguns soldados doentes como uma ocorrência normal no treino de uma tropa de elite.

Os dois soldados não morreram por acidente ou devido a uma debilidade física desconhecida, morreram porque aqueles em que eles confiaram, instrutores e médicos dos Comandos levaram o seu esforço até a um nível que conduziu à falência orgânica. Perante um primeiro incidente ninguém se preocupou com os 40º ou com o excesso de esforço, mandou-se um soldado doente para uma enfermaria e continuaram os treinos. O primeiro soldado morreu sem os cuidados médicos adequados e o segundo morre por teimosia de militares que estão convencidos de que a instrução que dão aos seus soldados está acima dos condicionalismos da resistência humana.

O primeiro morto poderia ser considerado um incidente infeliz, o segundo responsabiliza os comandos militares e pouco mais resta ao chefe máximo do Exército do que se demitir do cargo, duas mortes e vários feridos são nódoas demais para aparecerem na farda de gala ao lado das muitas medalhas de um Chefe do Estado Maior do Exército.
«O militar que se sentiu mal num treino dos Comandos, Dylan da Silva, e que esperava por um transplante de fígado morreu este sábado Hospital Curry Cabral, em Lisboa. É a segunda vítima mortal do curso 127.º dos Comandos.

O soldado de Ponte de Lima entrou em falência hepática no Hospital do Barreiro, para onde foi transferido depois de um “golpe de calor” sofrido num treino em Alcochete. Estava a praticar técnicas de combate quando se sentiu mal. Eram 17h00 de domingo, 4 de setembro. Foi levado por uma equipa de emergência médica com uma temperatura corporal de 42 graus — seis graus acima da média. Quarta-feira acabou por ser transferido para o Hospital Curry Cabral, em Lisboa.

"O soldado Dylan Araújo da Silva foi transferido do Hospital do Barreiro para o Hospital Curry Cabral. Apesar da melhoria progressiva do ponto de vista global, por evolução para falência hepática procedeu-se à transferência para o Hospital Curry Cabral, centro de referência para a área”, indicava uma nota sobre a situação clínica dos militares do 127º Curso de Comandos.» [Observador]


sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Lanzamiento de cohetes

-


Lanzamiento de cohetes

                          Un helicóptero ruso Ka-52 Alligator durante una demostración como parte del programa del Foro Internacional Army 2016, en Kubinka (Rusia). (Sergei Ilnitsky / EFE)-(20minutos.es)

Accidente de tren en Pontevedra

-


                                                    Accidente de tren en Pontevedra

                          Estado en el que ha quedo el tren que ha descarrilado cerca de la estación de tren de O Porriño (Pontevedra). En el accidente han muerto al menos cuatro personas y hay "un numero elevado" de heridos. (Salvador Sas / EFE)-(20minutos.es)

quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Capoulas acusa Cristas de ter faltado "despudoradamente à verdade"

-
O ministro da Agricultura disse hoje, numa visita à Agroglobal, no Cartaxo, que, em nove meses, aprovou 10.000 projetos dos 15.000 que encontrou à espera de contratação quando assumiu funções, contrariando declarações da sua antecessora.

Capoulas Santos reagia às críticas feitas quinta-feira pela presidente do CDS-PP e ex-ministra da Agricultura, Assunção Cristas, que acusou o atual Governo de ter "quebrado a confiança entre a boa aplicação dos fundos comunitários e a vontade de investir" dos agricultores, referindo, nomeadamente, demoras na aprovação de projetos e no reembolso de despesas.

Referindo "compreender" as "dificuldades de afirmação de alguém que acedeu à liderança de um partido", o ministro acusou a presidente do CDS-PP de ter faltado "despudoradamente à verdade" ao falar de "um fraco ritmo de implantação" dos apoios ao investimento.

"Quando cheguei ao Ministério da Agricultura, em novembro de 2015, estavam 15.000 projetos candidatados e não tinha sido proferida uma única, sublinho, zero, contratações, nenhum projeto estava contratado. Em nove meses já aprovei cerca de 10.000 projetos, a um ritmo superior a mil por mês", afirmou.

Segundo o ministro, a esses projetos correspondem mil milhões de euros de investimento e mais de 460 milhões de despesa pública.

Sublinhando que os dados estão disponíveis na página eletrónica do Instituto Financeiro de Apoio à Agricultura e Pescas de Portugal (IFAP), Capoulas Santos considerou "legítima a luta política", mas com "alguns limites e algumas fronteiras éticas".

"Não esperaria que a líder do CDS batesse palmas ao Governo, aliás, é sua obrigação contestar e criticar o Governo, mas devia fazê-lo com um mínimo de seriedade", acrescentou. (Notícias  ao Minuto)